Estudos sobre o Daodejing

Conhecendo mais sobre uma importante influência na criação do Taijiquan (tai chi chuan)

 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Taoísmo foi uma influência fundamental na criação do Taijiquan (tai chi chuan). Ao contrário do que narram algumas lendas, as pesquisas históricas demonstram que o Taijiquan (tai chi chuan) não foi criado em mosteiros Taoístas, mas sim por um general da dinastia Ming chamado Chen Wangting, no vilarejo chamado Chenjiagou (Wenxian, Henan).

No entanto, Chen Wangting teve duas fontes principais de influência: o famoso general Qi Jiguang, e a monja Taoísta Wei Hacun. Além disso, todo o fundo cultural chinês era permeado pelo Taoísmo. Por isto esta filosofia tem grande importância na formação do Taijiquan (tai chi chuan).

O Mestre Jan Silberstorff, em cooperação com o Templo de Louguantai e o Abade Ren Xingzhi, com a Academia de Ciências da Universidade de Xian e o Prof. Fan Guangchun, e com o Mestre Ren Farong – Taoísta Supremo da República Popular da China e Tesouro de Estado, fundou em 2013 o Institute of Daodejing Studies. O objetivo do IDS é tornar a pesquisa profunda no campo do Daodejing de Laozi acessível a todas as pessoas, na forma de cursos, exercícios, livros e filmes. Os cursos de formação começam no Brasil em 2018 – inscreva-se!